Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
» 1/16 Sopwith Camel
Dom Fev 22, 2015 7:45 pm por Beto

» 1/43 Ferrari 126 C3 - KIT metal
Dom Fev 22, 2015 7:44 pm por Beto

» FELIZ NATAL E PROSPERO ANO NOVO - 2015
Qua Dez 24, 2014 3:35 am por Beto

» Dando vida ao chassis da Enzo 1:10.
Qua Dez 24, 2014 3:31 am por Beto

» Dicas e dioramas - links
Dom Dez 07, 2014 12:29 am por Beto

» ANVERSARIO DO COMANDANTE IGOR
Dom Nov 23, 2014 8:58 pm por Beto

» MINIATURAS BAHIA NO REDE BAHIA REVISTA - 2014
Qui Out 16, 2014 2:15 am por Beto

» MINIATURAS BAHIA NO REDE BAHIA REVISTA - 2007
Qui Out 16, 2014 2:09 am por Beto

» BOAS VINDAS EDUARDO.
Qua Out 08, 2014 11:30 pm por Francis

Dezembro 2018
SegTerQuaQuiSexSabDom
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      

Calendário Calendário

Votação

GILLES VILLENEUVE

Ir em baixo

GILLES VILLENEUVE

Mensagem  Beto em Qui Maio 08, 2014 11:29 pm

Sábado, 8 de Maio de 1982. Circuito de Zolder, Bélgica. O piloto da Ferrari 126 C2 número 27 sai dos boxes nos minutos finais da classificação. Ele está atrás do seu companheiro de equipe e quer de qualquer jeito superá-lo. Mas sua última volta cronometrada não é boa o suficiente para isso. Mas ele continua acelerando, como sempre. Andar devagar não fazia parte de sua natureza. Estava sempre tentando superar os seus limites.

Apareceu em seu caminho uma March, devagar, retornado aos boxes como todos os outros, que praticamente não teve tempo de reação ao ver aquele raio vermelho se aproximando pelo espelho. O piloto da Ferrari mergulha por dentro, acreditando haver espaço, mas não havia. O carro é projetado no ar, dando várias piruetas, batendo em tudo o que havia pela frente. Guard-rail, postes, árvores.

A força foi tão intensa que a Ferrari se partiu em dois pedaços, com o piloto sendo jogado longe, ainda preso ao assento. O médico da FIA, Sid Watkins e sua equipe chegam sem demora. Mas acaba percebendo in loco que aquele piloto já estava praticamente em óbito. Gilles Villeneuve, o piloto mais agressivo da história da Fórmula 1 estava morto.

O canadense cometera mais uma insanidade tremenda, a última da quais seria motivo de tantas críticas e também, uma legião de fãs fanáticos. Ele estava magoado com seu ex-amigo e companheiro de equipe, Didier Pironi que havia o enganado, vencendo o GP de San Marino, duas semanas antes. Para Gilles, agora era questão de honra superar Pironi em todas as ocasiões. Por isso sua agressividade numa volta de desaceleração, quando não valia mais nada.

A sua morte naquela tarde de maio, foi um marco na história do automobilismo. Nunca mais a Fórmula 1 veria um piloto tão destemido. Considero também o ponto final da “era romântica” onde os pilotos corriam por prazer e com emoção.

Passados 32 anos, o mais fanático torcedor ferrarista ainda o considera como “o maior de todos” E Villeneuve ainda é uma fonte de inspiração para muitos pilotos, um exemplo de coragem e valentia, características que para muita gente, ainda valem mais do que um título de campeão mundial.

Fonte: Motorpasion
Imagens: Sutton | Ferarri | Flick

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
Beto

Mensagens : 1264
Data de inscrição : 30/07/2012
Idade : 51
Localização : SALVADOR

http://WWW.MINIATURASBAHIA.COM.BR

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum